Coleções de Clarice Lispector e João Cabral de Melo Neto são distribuídas em bibliotecas de Araxá 
Coleção João Cabral de Melo Neto. Foto: Daniel Bianchini

Coleções de Clarice Lispector e João Cabral de Melo Neto são distribuídas em bibliotecas de Araxá 

  • Post category:Notícias

Seguindo na missão de promover e incentivar a leitura o Fliaraxá realiza antes, durante e depois da sua realização a doação de livros para bibliotecas da cidade. Desta vez, coleções dos patronos Clarice Lispector e João Cabral de Melo Neto estão ganhando as estantes e, em breve, novos leitores. 

“A doação de livros é uma parte muito importante nas atividades ligadas ao Fliaraxá. De certa forma, um festival literário tem como meta – além de tantos outros assuntos – a formação de leitores. E não há formação de leitores, sem livros”, destaca Rafael Nolli, curador local do festival. Escolas públicas, privadas e bibliotecas estão recebendo as coleções. 

De Clarice Lispector são 469 livros, sendo 459 de Clarice Lispector 10 obras de Nádia Gotlib. Alguns lugares que já receberam foram o Centro de Referência da Cultura Negra, a Apac – Associação de Proteção e Assistência aos Condenados, Academia Araxaense de Letras e a Biblioteca Municipal Viriato Corrêa. 

De João Cabral de Melo Neto somam 126 livros, sendo 96 dele e 30 obras de Inez Cabral, filha do autor. Os livros ainda não foram entregues, mas as novas casas serão as mesas das de Clarice. 

SOBRE O FLIARAXÁ

O Fliaraxá foi criado em 2012 pelo empreendedor cultural e diretor-presidente da Associação Cultural Sempre um Papo, Afonso Borges. As cinco primeiras edições aconteceram no pátio da Fundação Calmon Barreto e, a partir de 2017, o festival passou a ocupar o Tauá Grande Hotel de Araxá, patrimônio histórico do Estado de Minas Gerais, edificação construída em 1942. Naquela edição, nasceu também o “Fliaraxá Gastronomia”. Cerca de 140 mil pessoas passaram pelo festival. Mais de 400 autores participaram da programação.

IX FLIARAXÁ – FESTIVAL LITERÁRIO DE ARAXÁ – 28 DE OUTUBRO A 1.º DE NOVEMBRO DE 2020

Transmissão virtual 24 horas pelos canais:

www.youtube.com/fliaraxa

www.fliaraxa.com.br

Texto por Jaiane Souza/Culturadoria